cadastrar-se
       
 
     
  Princípio

A presente enciclopédia é um ambiente colaborativo voltado para um aspecto específico da arte contemporânea, chamado genericamente de "arte tecnológica". O novo projeto incorpora o antigo Panorama de Arte e Tecnologia e a Revista CIBERCULTURA (ISSN 1679-6756).

 
     
 
       
     
 

CHAMADA DE ARTIGOS / CALL FOR PAPERS

Novidade! A revista CIBERCULTURA agora aceita textos via convocatória. Esperam-se textos acadêmicos (como os que são produzidos, por exemplo, para os simpósios da ABCiber), mas textos sem essas características são bem-vindos também, contanto que respeitadas as enxutas normas da chamada. Obviamente, esperam-se textos que explorem temas como: bioart, DJ/VJ, animação 3D, realidade aumentada, avatares, biotecnologia, e-literature, fabbing, unconference, software livre, wearable art, games, machinima, arte generativa, glitch art, hacktivismo, place-specific, instalações imersivas, live cinema, locative media, ARG, mapping, interfaces, mashup, arte sonora, net art, motion tracking, p2p, transmission art, psicogeografia, cultura remix, arte robótica, intermídia, second life, web semântica, site-specific, streaming, vigilância, arte telemática, computação ubíqüa, etc. (fonte: tags do Networked_Performance). Em breve, serão lançadas chamadas com temas específicos, como as promovidas pela revista LEONARDO, nossa grande fonte de inspiração. Acompanhe as nossas ações no Blog do Itaulab (ver link ao lado) e em nosso canal no Twitter. Nemastê!

 
     
     
 
outros cinemas, outras narrativas

Katia Maciel mostra como o cinema - sob um ponto de vista contemporâneo - se faz a partir de linguagens híbridas. Em um de seus exemplos, ela lembra do encontro entre o artista Hélio Oiticica e o cineasta Neville de Almeida, que resultou numa série de experiências intituladas "Quasi-cinema".

 
     
     
 
O Blog do Itaulab é a plataforma oficial de notícias de CIBERCULTURA